Manhã de Formação ICJA

Manhã de Formação ICJA

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Jovens fazem ação na Cracolândia (SP)

Com um olhar atento sobre o alto índice de violência que vem acontecendo no Brasil, a CNBB estabeleceu em seu calendário 2015 como o “Ano da Paz”, tendo início já no primeiro Domingo do Advento. Em comunhão a este convite da Igreja a 14ª edição da Missão Thalita Kum (TK) vem com o tema “Como Filhos de Deus semeando a Paz”, e saiu pelas ruas de São Paulo, com centenas de jovens, propagando a mensagem de justiça e caridade na construção da “civilização do amor”, como bem nos disse o Papa João Paulo II, em 2004, em sua mensagem no Dia Mundial da Paz.
A edição deste evento em 2014 aconteceu entre os dias 15 e 21 de dezembro, na capital paulista, tendo como pontos principais de evangelização as praças da Sé e do Patriarca, além de evangelizações nas ruas, ônibus, hospitais, praças, presídios e unidades da Fundação Casa. A programação do evento se estendeu disseminando valores e práticas cristãs, com missas, confissões e adoração eucarística também nas praças.
Junto com a Missão TK deste ano aconteceu o Mutirão de Integração e Restauração (M.I.R) na favela do Moinho, local que a Aliança mantém trabalhos há vários anos. Um dos diferenciais do M.I.R. deste ano são as oficinas que aconteceram com foco no design social e na conscientização sustentável, além das tradicionais reformas dos ambientes da favela e barracos.
Aconteceram oficinas em parceria com algumas outras instituições: de Serigrafia e Lamb no dia 17 com a Oficina Serigráfica, de Graffit no dia 18 com o Coletivo Bicicleta Girassol e de transformação dos espaços urbanos a partir de resíduos de descarte com o projeto “O Lixo não Existe” no dia 19 com o Coletivo Basurama.
A ação também contou com atendimento médico, distribuição de alimentos e ajuda quanto à higienização dos mesmos. O ápice deste trabalho foi no sábado de manhã, onde aconteceu uma grande Festa de Natal para a população em situação de rua na área da Cracolândia.
No final de semana houve duas grandes celebrações na Praça da Sé, em ambos os dias às 15h seguidas de apresentações musicais. No sábado será o lançamento do Ministério Acordi, formado por missionários da Casa de Formação da Aliança de Misericórdia e a noite o Movimento Fé, Justiça e Paz promoverá um ato “Juntos Cantando à Favor da Vida” com shows de Eros Biondini, Banda Arkanjos e Dunga. Já na noite de domingo o encerramento da Missão contou com as apresentações da cantora Nandah e da Banda Levado do Alto.

Missão
A Missão Thalita Kum, que em hebraico significa “Jovem, levanta-te”, acontece desde 2001 por parte da Comunidade Aliança de Misericórdia. No ano de 2007, essa iniciativa ganhou forças tendo parceria com o Setor Juventude da Arquidiocese de São Paulo, tornando-se então parte do seu calendário geral de eventos. Posterior a isso, outros movimentos e comunidades também se uniram a essa causa proporcionando maior alcance da Missão.

Fonte: http://www.jovensconectados.org.br/jovens-fazem-acao-na-cracolandia-em-favor-a-paz.html

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Assembleia Diocesana do Setor Juventude de Petrópolis reúne mais de 300 jovens

O Setor Juventude da Diocese de Petrópolis se reuniu dia 14 de dezembro, para a sua assembleia anual.  O encontro aconteceu na Matriz de Santo Antônio em Teresópolis e contou com a participação de mais de 300 pessoas das diversas paróquias, do coordenador diocesano do Setor, o Padre Luiz Henrique Veridiano, e do Bispo Diocesano, Dom Gregório Paixão.
A finalidade da assembleia diocesana foi discutir os rumos do Setor na diocese e traçar planos para os anos seguintes, em conformidade com as Diretrizes próprias do Setor e do Plano Pastoral de Conjunto da Diocese.
A abertura da assembleia foi com a missa das 8h30 da manhã, celebrada pelo Bispo Diocesano, Dom Gregório Paixão. Já no Salão do Centro Pastoral da Paróquia de Santo Antônio, o Bispo ressaltou para os jovens a importância de que o Setor juventude permaneça com esta organização, que promove uma maior identidade e unidade dos trabalhos. Comentou que no encontro nacional foi possível verificar que o trabalho com a juventude não pode ser feito de forma solta, sem critérios que delimitem as ações, “pois os jovens hoje já assumem papel de importância na sociedade civil, seja como juízes, médicos ou advogados, e na vida de comunidade e na vida eclesial. É preciso que o jovem tenha o compromisso e a responsabilidade com os trabalhos”.
Traçou um paralelo das frases do Papa Francisco aos jovens do Mundo inteiro em diversas circunstâncias de seu pontificado com a realidade da diocese, mostrando a importância do jovem para a vida da Igreja, e a importância, para o jovem, de aceitar a sua vocação de missionário nas mais diversas realidades em que está inserido. Lembrou que a salvação da humanidade começou com um sim dado por uma jovem – a virgem Maria – e que ela é um exemplo de obediência à vontade do Senhor. Ainda sobre as palavras do Papa, disse aos jovens: ”Vejam que palavras fortes que o papa diz a nós! E estas palavras devem mudar a nossa vida. Ele diz uma frase: “sejam protagonistas das mudanças”, então o Papa espera de você que seja protagonista dessas mudanças. Frente a esta palavra do Papa e daquilo que temos trabalhado em nossa diocese criamos as nossas diretrizes pastorais.”
Dom Gregório disse que nos grupos de jovens, deve haver a preocupação com a formação doutrinal e sacramental, que é importante conhecer a palavra e a liturgia, para celebrar bem. Youcat, Bíblia e Catecismo são importantes para esta formação. O Setor juventude na paróquia deve promover campanhas periódicas para que todos os jovens possam ter ao menos a Bíblia, para ser utilizada nos encontros ou reuniões. Concluindo disse “nós desejamos que vocês em nossa diocese façam uma revolução de Jesus. Nós queremos ouvir a voz da juventude. Precisamos contar com vocês como evangelizadores. Jovem evangeliza jovem e é isso que queremos de vocês”.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

É necessário redescobrir o Evangelho, diz Papa

Que os jovens sejam “protagonistas alegres” da evangelização dos próprios irmãos. Palavras do Papa Francisco na mensagem aos participantes da IV Convenção Européia da Pastoral da Juventude, que se realiza em Roma sob o tema “Uma Igreja jovem, testemunha do Evangelho. Juntos nos caminhos da Europa”. O evento, promovido pelo Pontifício Conselho para os Leigos e pelo Conselho das Conferências Episcopais Européias (CCEE), foi aberto nesta quinta-feira, com encerramento previsto para o sábado.
Na mensagem endereçada ao Presidente do Pontifício Conselho para os Leigos, Cardeal Stanislaw Rylko, o Papa reitera que “a Europa de hoje tem necessidade do Evangelho”. Neste sentido, é necessário ajudar os jovens “a tomar consciência de que a fé não se opõe à razão”. O Pontífice exorta-os, então, a “não cansarem-se nunca de anunciar o Evangelho, com a vida e a palavra: a Europa de hoje tem necessidade de redescobri-lo!”.

Caminho vocacional
Francisco pede que seja proposto aos jovens “um caminho de discernimento vocacional, para prepararem-se a seguir Jesus no caminho da vida conjugal e familiar, ou no de uma especial consagração a serviço do Reino de Deus”. A Pastoral da Juventude – disse o Santo Padre - é um “precioso” serviço para a Igreja e os jovens tem necessidade dela. É necessário, para isto, “adultos e pessoas da mesma idade, maduros na fé”, “que os acompanhem em seu caminho, ajudando-os a encontrar a estrada que conduz a Cristo”. E reitera que “bem mais do que a promoção de uma série de atividades para os jovens, esta Pastoral consiste em caminhar com eles, acompanhando-os pessoalmente nos contextos complexos e às vezes difíceis em que estão mergulhados”.
A Pastoral da Juventude – acrescentou o Pontífice – “é chamada a acolher as interrogações dos jovens de hoje e, a partir destes, iniciar um verdadeiro e honesto diálogo para levar Cristo em suas vidas”. O Papa ressalta a importância de “partilhar as experiências feitas ‘à campo’” e encoraja a ”considerar a realidade atual dos jovens europeus com o olhar de Cristo” que “nos ensina a ver não somente os desafios e os problemas, mas a reconhecer as tantas sementes de amor e de esperança espalhadas no terreno deste continente, que deu à Igreja um grande número de santos”

Fonte: http://arqrio.org/noticias/detalhes/2759/e-necessario-redescobrir-o-evangelho

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Tudo Posso

O Ministério Jovem do Vicariato Sul promoverá o primeiro retiro para Jovens “1º Tudo posso – MJ # Vicariato Sul”, no Colégio São Paulo, dia 14 de dezembro, a partir das 8h, na Avenida Vieira Souto, 22, em Ipanema.
O retiro, com o tema ''Posso todas as coisas naquele que me fortalece'' (Fil.4:13), terá louvor, adoração, pregação e missa. As inscrições, no valor de R$ 20, podem ser realizadas no site: e-inscricao.com/mjvicariatosul/mjvicariato.


segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

‘Eu vos anuncio uma grande alegria: nasceu o Cristo Senhor’

Brasília, 1º de Dezembro de 2014.

Caros párocos e demais responsáveis pela evangelização da juventude no Brasil.

“Eu vos anuncio uma grande alegria: nasceu o Cristo Senhor.” (Lc 2, 10-11)

Que mês bonito, o de dezembro!
Ao lado da correria dos diversos “encerramentos” de nossos compromissos anuais, nos deliciamos com a graciosidade e espiritualidade natalinas! Festas, reencontros, família, amigos, viagens, presentes, solidariedade, celebrações, orações… Como seria bom se todas as nossas crianças, adolescentes e jovens pudessem entender, se envolver e desfrutar destes momentos que marcam a vida da pessoa humana, renovando-lhe a fé, a esperança e o amor! Nossas comunidades ganham novo dinamismo ao valorizarem a presença e o protagonismo dos nossos jovens nas várias atividades em torno do Natal.

“Ao observarem a estrela, os magos sentiram uma alegria muito grande” (Mt 2, 10).

Quando os jovens encontram a “estrela” verdadeira e nela se fixam, se tornam mais confiantes e experimentam uma alegria que preenche a alma, pois percebem que o caminho está certo e o encontro com a felicidade será uma realidade. Obrigado por terem ajudado os jovens a lerem os sinais dos tempos e a perceberem a presença de Deus no cotidiano: “estrela” que conduz à Luz do Mundo!

“Quando entraram na casa, viram o menino com Maria, sua mãe” (Mt 2, 11a).

O encontro com o menino necessariamente provoca o encontro com sua mãe. Ele, que nos acolhe quando vamos na sua direção, nos acomoda, também, no colo desta mãe. Obrigado por terem conduzido as novas gerações ao encontro com Jesus, Príncipe da Paz, e ao aconchego de Maria!

“Ajoelharam-se diante dele e o adoraram” (Mt 2, 11b).